219 458 670 / 219 446 417 | geral@jf-moscavideportela.pt

DIA DO TRABALHADOR | MOSCAVIDE E PORTELA

1º de Maio, dia do Trabalhador.

Quando no já longínquo ano de 1886 os trabalhadores fabris nos Estados Unidos da América, decidiram lutar pelos seus direitos, nomeadamente pela redução do horário de trabalho, estariam muito longe de saber que este dia seria comemorado muito para além dos fatídicos acontecimentos que lhe estiveram associados.

Desde então, a cada 1º de Maio de cada ano, somos convocados a revisitar os direitos dos trabalhadores e o direito a um trabalho digno com justa remuneração e com direitos.

Esta é uma luta que não se extingue. Hoje, um pouco por todo o Mundo, o trabalho sem direitos, com remunerações indignas e intensivo, ainda nos entra pelas notícias e chama-nos a uma profunda reflexão. Situações mais ou menos longínquas em que a exploração do trabalho resulta na geração de muitas desigualdades sociais, continuam a ser de uma atualidade que nos entristece. A celebração do 1º de Maio deve servir para relembrar que por todo o Mundo ainda existe trabalho sem direitos, que ainda há uma elite que explora o esforço de muitos e que, ao contrário ser uma forma de conferir um rendimento justo aos trabalhadores, ainda contribui para o desequilíbrio e exclusão social.

Nestes dias que vivemos, fomos confrontados com realidades duras e incertezas várias, porém, percebemos que há milhares de pessoas, mulheres e homens, que em nos dias comuns não concentram as nossas atenções, mas que hoje percebemos o valor das suas tarefas e funções. Se por vezes não temos o tempo ou a atenção para valorizar quem todos os dias trabalha para que nada nos falte, esta pandemia deu-nos o tempo para que percebamos que há um “exército” de pessoas que todos os dias trabalham para nós.

A Junta de Freguesia de Moscavide e Portela tem um quadro de trabalhadores que demonstram todos os dias a qualidade, disponibilidade, brio e rigor de que nos orgulhamos. Tudo o que temos conseguido fazer no apoio às pessoas mais frágeis neste tempo, a eles devemos. Eles mostram todos os dias que fazem parte de uma equipa que tudo faz para que nada falte. Eles são a nossa linha da frente que está onde é preciso para fazer o que é necessário.

Por isso, gostaríamos de aproveitar este 1º de Maio para agradecer, homenagear e dar uma palavra de profundo reconhecimento a todos os trabalhadores da Junta de Freguesia de Moscavide e Portela e, neles, agradecer a todas as pessoas que através do seu trabalho continuam a manter o Mundo a funcionar, arriscando-se e expondo-se sempre com uma missão em mente e com a disponibilidade e coragem dos maiores.

É nos trabalhadores da Junta de Freguesia de Moscavide e Portela, uma equipa de excelência com que temos o privilégio de trabalhar, que saudamos este 1º de Maio em confinamento, porque sabemos que eles vão lá por nós, estão onde for preciso por nós, fazem tudo por nós.

Eles, os nossos trabalhadores, trazem para os dias de hoje a honra dos seus colegas que no distante ano de 1886 lutaram por melhores condições de trabalho. Eles, os nossos trabalhadores, hoje lutam por nós. Por todos.

OBRIGADO!

O Presidente da Junta de Freguesia de Moscavide e Portela | Ricardo Lima

#FICAEMCASA “Somos uma comunidade de Soldados Valentes que Juntos Vamos Vencer o novo Coronavirus”

Vamos Juntos. Primeiro as Pessoas!